Agenda de eventos

Agosto 2017
Seg Ter Qua Qui Sex Sáb Dom
01
02
03
04
05
06
07
08
09
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

News Letter

Assine nosso News e fique por dentro das novidades.

Vale a Pena Trabalhar

Nos Estados Unidos comemora-se na primeira segunda-feira de setembro o “Dia do Trabalho”. Cidadãos são convidados a reconhecer o trabalho diligente de homens e mulheres ao longo de gerações, pessoas que empregaram suas habilidades e talentos para fornecer serviços e produtos para benefício comum.  
 
Infelizmente estatísticas demonstram que a maioria está insatisfeita com seu trabalho. Estudos apontam que 70% dos trabalhadores ou mais, não gostam ou mesmo odeiam as tarefas que desempenham todos os dias. Para eles, trabalho não passa de um “mal necessário”. 
 
De acordo com a Bíblia não foi essa a intenção de Deus. O primeiro livro, Gênesis, declara: “Então disse Deus: ‘Façamos o homem à nossa imagem, conforme a nossa semelhança. Domine ele sobre os peixes do mar, sobre as aves do céu, sobre os grandes animais de toda a terra... Eis que lhes dou todas as plantas que nascem em toda a terra e produzem semente, e todas as árvores que dão frutos com sementes. Elas servirão de alimento para vocês’” (1.26-29). 
 
Entretanto, depois da “queda do homem”, o trabalho se tornou difícil. “Maldita é a terra por sua causa; com sofrimento você se alimentará dela todos os dias da sua vida. Ela lhe dará espinhos e erva daninha... Com suor do seu rosto você comerá o seu pão” (Gênesis 3.17-19). Deus designou que o trabalho fosse compensador, realizador e fácil. Mas por causa da rebelião do Homem contra Deus, ele tornou-se difícil, frustrante, aflitivo.
 
Como vencer o sentimento de que trabalho é “mal necessário” e resgatar seu sentido apreciável e significativo? Uma das melhores formas seria dedicá-lo a Deus, pedindo que Ele abençoe nossos esforços para desempenharmos nossas responsabilidades profissionais de acordo com Suas leis e padrões. Eis alguns princípios a serem seguidos:  
 
Trabalhe para Deus. Temos a tendência de fazer nosso trabalho para nossa gratificação ou para agradar aos que têm autoridade sobre nós. Embora nada disso seja inerentemente errado, o objetivo primeiro deve ser agradar e honrar a Deus. “Tudo o que fizerem, façam de todo o coração, como para o Senhor, e não para os homens, sabendo que receberão do Senhor a recompensa da herança.  É a Cristo, o Senhor, que vocês estão servindo” (Colossenses 3.23-24).  
 
Trabalho vem de Deus. Onde você trabalha e a tarefa que você desempenha não são por acaso. Deus o colocou onde você está, fazendo o que você faz, para cumprir Seus propósitos: “A melhor coisa que alguém pode fazer é comer e beber e se divertir com o dinheiro que ganhou. No entanto, compreendi que mesmo essas coisas vêm de Deus. Sem Deus, como teríamos o que comer ou com que nos divertir? Ele dá sabedoria, conhecimento e felicidade às pessoas de quem Ele gosta” (Eclesiastes 2.24-26).  
 
Trabalho como oportunidade para revelar Deus. Não há melhor maneira de demonstrar a presença e a realidade de Deus do que através do trabalho! A forma como nos conduzimos no trabalho, nos garante o direito de falar por Ele. “Estejam sempre preparados para responder a qualquer que lhes pedir a razão da esperança que há em vocês. Contudo, façam isso com mansidão e respeito” (1Pedro 3.15-16).   

Sugestões Para Reflexão ou Discussão
 
1. Em que grupo você está: no de quem ama e aprecia o trabalho ou no dos que não gostam e simplesmente aturam o emprego para receberem um salário? 
2. Como você encara a declaração bíblica que Deus estabeleceu e ordenou o trabalho para as pessoas que Ele criou? 
3. Que você pensa do conceito de se trabalhar primeiramente para Deus e não para o ganho pessoal ou para as pessoas que nos contratam?
4. Que diferença faria crer que Deus o colocou no emprego que você tem hoje para que você sirva de “embaixador” revelando Sua Pessoa a quem não O conhece?
Desejando considerar outras passagens da Bíblia relacionadas ao tema, sugerimos: Provérbios 12.24; 16.11; 18.9; 24.30-34; Mateus 4.19; 5.14-16; Colossenses 4.5-6.

Robert J. Tamasy, vice-presidente de comunicações da Leaders Legacy, corporação beneficente com sede em Atlanta. Geórgia, USA. Com mais de 30 anos de trabalho como jornalista, é co-autor e editor de nove livros.  Tradução de Mércia Padovani. Revisão e adaptação de J. Sergio Fortes (Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

MANÁ DA SEGUNDA® é uma reflexão semanal do CBMC - Conectando "Business" e Mercado a Cristo, organização mundial, sem fins lucrativos e vínculo religioso, fundada em 1930, com o propósito de compartilhar o Evangelho de Jesus Cristo com a comunidade profissional e empresarial. © 2013 - DIREITOS RESERVADOS PARA CBMC BRASIL - Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo. -Desejável distribuição gratuita na íntegra. Reprodução requer prévia autorização. Disponível também em alemão, espanhol, inglês, italiano e japonês.